1 de mai de 2014

A vida do Apóstolo Paulo - 3


Saulo de Tarso

Alguns textos nos mostram quem era este homem chamado Saulo de Tarso, como Atos cap. 8 v. 3. Como homem influente na lei, ele estava à frente da perseguição de todos os cristãos que habitavam em Jerusalém. Tão cruel, com sede de sangue, podemos compará-lo a um terrorista de grande nome, matando a muitos por uma causa que tomava seu pensamento, eles não podiam deixar que crescesse o número de pessoas que creram em Jesus como o Filho de Deus. 

Muitos nazarenos foram mortos, mas por causa desta perseguição outros cristãos fugiam e para onde estes saiam também era anunciado por eles o evangelho da Salvação (versículo 4) espalhando o testemunho do poder de Cristo por outras cidades.

Outro texto onde Paulo fala de seu passado como Saulo está em Atos cap. 26 v. 9 a 11. Mas o importante a ressaltar é que Saulo não era um homem de provável mudança de vida, mesmo os cristãos que ouviam falar seu nome nunca poderiam imaginar a transformação que Deus faria na sua vida. Para nós, nos dias contemporâneos, era o mesmo que dizer que Hittler passou de genocida à pregador pacifico da Palavra de Deus. A improbabilidade era a mesma!

Saulo de Tarso é a prova que não há limites para o poder de Deus transformar uma pessoa. Se Deus o Pai perdoou um homem tão cruel como Saulo de Tarso, a quem Deus não pode perdoar? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo(a) do blog, deixe seu comentário

Amigo(a) do blog, deixe seu comentário